Pé de pera: plantio em casa

Pé de pera: plantio em casa

Uma das melhores partes de plantar árvores frutíferas é a colheita dos frutos. Hoje temos uma dica ótima para você: a árvore da pera. A pereira (Pyrus communis) é uma árvore natural da Europa Mediterrânea e da Ásia. Segundo relatos de pesquisas realizadas por arqueólogos, o cultivo da pereira é realizado desde 3000 a.C.. Ela chegou ao nosso país pelas mãos de imigrantes e se adaptou muito bem nas regiões sul e sudeste.

O clima perfeito para o desenvolvimento da pera, fruto da pereira, é o frio. Durante o inverno, ela pode suportar temperaturas de até -20ºC e mesmo assim os frutos irão crescer firmes e fortes. A pereira cresce em solo limoso, arejado e profundo, devido ao tamanho da raiz. O tronco da árvore é grosso, forte e possui uma coloração um tanto acinzentada com a casca fendilhada.

A pereira só começará a dar frutos com três ou quatro anos, com um tempo estimado de produção de até 30 anos. No Brasil, o florescimento da árvore acontece em agosto e setembro, durante o fim do inverno, e as frutas, normalmente no verão, de fevereiro a março.

Você deve plantar um pé de pera em um espaço de 7x7m, em uma disposição das mudas no terreno em forma de triângulo, retângulo ou quadrado. Em seu auge, a pereira pode alcançar até 20 metros de altura e pode viver até 65 anos.

É sempre bom saber que, para um plantio bem feito, alguns cuidados são necessários:

Prepare o terreno

O ideal para este momento é a escolha de uma área totalmente livre de restos vegetais e de pedras. A partir da localização perfeita, é preciso fazer uma subsolagem, aplicar calcário no solo e arar a terra incorporando o calcário.

Plante

Depois que a terra já estiver prontinha, você poderá abrir os buracos de tamanho adequado para acomodação das raízes. A muda deve ser mantida na posição vertical e suas raízes distribuídas dentro da cova, eliminando o ar por uma leve compactação do solo com o pé.

Irrigação da pereira

Você deve hidratar a muda com muita água, sendo 5 a 10 litros de água. Após algum tempo, coloque uma estaca de forma que não atinja a raiz e a amarre a muda sem enforcar. Esta deve ficar presa na árvore até que ela fixe na terra.

Que tal plantar uma pereira? Partiu jardinagem, então! Até a próxima.

Um comentário
  1. Bom dia, plantei varias mudas da pereira, más quando estão crescendo ela não conseguem ter consistencia, morrem antes de crescerem, o talo quebra e não sei o qye fazer

    1. Olá, Jose. As mudas podem estar ainda malformadas ou podem ter passado por algum estresse hídrico no plantio (seja com solo alagado ou seco demais). Pode ser também que ao serem plantadas, as mudas encontraram algum fungo de solo e acabaram sofrendo uma infecção por patógenos (fungos, bactérias ou outros organismos que causam doenças em plantas). Para evitar o tombamento ou balanço das mudas com o vento, por exemplo, é recomendado tutorar as mudas no plantio, usando uma estaca de madeira cravada no solo e usando um fitilho ou barbante macio, amarra-se um ou mais pontos da muda ao tutor, sem ferir os ramos.
      Esperamos ter ajudado!
      Um abraço,
      Equipe Jardim das Ideias STIHL
      *colaborou com a resposta a engenheira agrônoma Vânia Chassot Angeli

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *