Algumas pragas e seu controle I

Apartir dessa semana faremos uma série de dez posts que falarão sobre algumas pragas e seu controle.

 

Abelha Arapuá ou Abelha Cachorro

As adultas são pretas, medem de 5 a 6 milímetros e constroem ninho com a resina que tiram das plantas; com suas mandíbulas afiadas, depredam brotações e botões florais. Os ninhos devem ser localizados e destruídos.

As plantas atacadas podem ser protegidas por método:

1.Mecânico: Armadilha adesiva X-315, da 3M.


Trigona spinipes – Abelha Arapuá ou Abelha Cachorro

 Ácaros

Em geral muito pequemos, possuem oito pares de patas, existem milhares de espécies, entre elas, os carrapatos e os causadores de sarnas. Os que atacam as plantas são: o branco, o rajado e, especialmente, o vermelho, que provoca o aparecimento de manchas avermelhadas no dorso das folhas em posição oposta à das colônias, que vivem na parte inferior, evitando a luz solar. Com o tempo, a folha necrosada cai. Ácaros transmitem a leprose dos cítricos. Nos casos dos gramados, o corte baixo, a irrigação e adubação correta, inibem a manifestação.

Combate:

1.Biológico – Pode ser feito através do fungo Beuveria bassiana, ou pulverizando com enxofre ou com calda sulfocálcica (cal virgem + enxofre), ou com inseticida rural Natural Camp ou Combat (composto por Neen, citronela e pimenta), Biofertilizante PF, Bovenat PM, Boveril 103, da Itaforte.

2.Mecânico: Por causa da reflexão da luz, uma camada fina de casca de arroz, nos canteiros, inibe os ácaros.


Raoiella indica – ácaro vermelho

 Receitas

CALDA SULFOCÁLCICA

Com 2 kg de cal virgem, fazer uma pasta adicionando 2 litros de água. Assim que a hidratação começar, adicionar aos poucos 2 kg de enxofre junto com água, mexendo bem. Tampe o recipiente durante 30 min. Adicione 2 litros de água e pincele os troncos.

CHÁ-DE-COENTRO

Com um punhado de folhas, preparar um chá e, depois de frio, pulverizar as plantas.

LEITE

Em 1 litro de água misture um litro de leite azedo e pulverize.

CEBOLA

É um bom repelente de aranhiço vermelho e dos afídios, em especial os que infestam a roseira. Esmagar a cebola numa trituradora e juntar uma quantidade igual de água, coar a mistura e usar o líquido resultante para pulverizar. Enterrar essa polpa amassada na horta ou nos canteiros com flores.

Todas as informação foram extraídas do livro Um Jardim Para Sempre – Manual Prático Para Manuteção de Jardins, escrito por Raul Cânovas e realizado com o apoio da STIHL.

Autor: Raul Cânovas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *