Flores da estação, para os canteiros na primavera


Foto: Fr Antunes

Um canteiro florido, logo na entrada da casa, é uma forma alegre de dar as boas-vindas a quem nos visita. Não é necessário que esse maciço seja imponente. Diria mesmo que se for singelo, com apenas uma espécie ou, no máximo duas, desde que se complementem, estaremos emoldurando esse acesso principal. Como esse tipo de planta dura apenas alguns meses, teremos a oportunidade de criar cenários diferentes a cada temporada.

Ah! Um aspecto importante: as plantas de estação são baratas e devem ser plantadas com o devido espaçamento para que durem e floresçam mais e melhor. Dependendo do tamanho que irão alcançar, são assentadas na terra a 20, 25 ou 30 centímetros, uma das outras e de modo triangular. Dessa forma precisaremos de 25, 16 ou 9 mudas, por metro quadrado. Consulte sobre o desenvolvimento da muda na hora da compra. O solo deve ser turfoso, formado por um substrato orgânico com boa porosidade.

A seguir relacionamos as espécies mais cultivadas (consulte abreviaturas de clima e luz no final da tabela).

Abreviaturas:
Luz
Ms= meia-sombra (luminosidade intensa, mas sem sol direto entre as 10 e 17horas); Ps= pleno sol, mais de 4 horas de sol direto.

Clima
T= Tropical; St = Subtropical; Tm = temperado

Em primeiro lugar, aparece o local propício à espécie e, em seguida, o clima tolerado por ela. Ex: Tm/St, onde se entende que o temperado é o clima ideal e o subtropical é a região tolerada pela planta.

 

 Autor: Raul Cânovas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *