Como fazer estaquia de ponteiro

Se você está
tentando – sem sorte – reproduzir alguma planta, saiba que primeiro você
precisa conhecer qual é o método mais adequado para a espécie. Algumas plantas
só se reproduzem através de métodos específicos. Um deles é a estaquia de
ponteiro. Você já ouviu falar nele? Se ainda não continue lendo este post que
explica direitinho como ele funciona 😉

A estaquia é
um meio de reprodução assexuada (propagação vegetativa), muito utilizada nas
produções de mudas de plantas, principalmente as ornamentais e frutíferas. O
método consiste no plantio de um ramo ou folha, desenvolvendo-se uma nova
planta a partir do enraizamento destas. Muitas plantas só podem ser
multiplicadas economicamente por meio desta técnica, porque produzem sementes
pouco férteis ou ainda raramente produzem sementes. Por isso, é tão importante
verificar qual melhor jeito de propagar a espécie desejada.

Pra fazer a
estaquia você deve escolher um lugar que seja de fácil acesso para a chegada de
insumos, com fonte de água abundante para irrigação, sem ventos fortes e com
luz solar, solo com boa drenagem e principalmente livre de plantas daninhas. Anotado?


Há varias
formas de estaquia, a de ponteiro, por exemplo, é muito usada para plantas
ornamentais de pequeno porte para vasos e jardins, como as azaleias.  A dica pra produzir muda de azaleia é fazer
logo após a floração que é a época de crescimento da planta e também a época da
poda. Para fazê-la, você deve escolher
os ponteiros laterais mais fortes,
saudáveis e sem flores (estacas de 7-12 cm). Em seguida, remova as folhas
inferiores e coloque as estacas para enraizar na água ou em composto preparado
na mesma hora, em um ambiente quente e úmido.


Outra dica é manter o substrato sempre úmido e com
pulverização, que deve ser feita várias vezes ao dia. Se você ficou com alguma
dúvida, deixe seu comentário aqui embaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *