3 dicas para você cuidar da plantas no frio

3 dicas para você cuidar da plantas no frio

O inverno está chegando! Assim como o nosso corpo fica mais sensível com as baixas temperaturas, as plantas também sofrem mais com o frio e, por isso, necessitam de uma atenção especial. No post de hoje, você vai conferir três cuidados simples que precisará ter durante a estação mais fria do ano, mas que são de extrema importância.

Hora de regar

Enquanto nos dias quentes do verão a tendência é que o solo absorva mais a água, no frio é ao contrário. Por isso, além de diminuir a quantidade de vezes que você rega, o ideal é usar menos água do que o normal. De preferência, opte por regar no início do dia, assim, as chances de a terra absorver a água é melhor, evitando o surgimento e proliferação de fungos. Dica de ouro: antes de regar o solo, observe se o mesmo já está seco.

Podas

Essa é a época ideal para que você realize a manutenção das suas plantas. Mesmo que seja a estação em que as espécies geralmente demoram mais a crescer, trata-se de um bom momento para que fiquem preparadas para o calor. Porém, lembre-se: a poda não deve ser feita em excesso. Além disso, é sempre bom revisar caso tenha folhas soltas, doentes ou secas, para que sejam retiradas do vaso e não prejudiquem as que estão saudáveis.

Adubação

Caso esteja na época de você adubar suas plantas, não deixe de ter esse cuidado. Entretanto, assim como a água, o adubo também precisa ser utilizado em menor quantidade, sempre respeitando as orientações do rótulo do produto (no caso de fertilizantes industrializados).

Por fim, uma dica extra para quem mora nas regiões onde o frio costuma ser extremo. Caso você tenha espaço, durante a noite coloque os vasos dentro de casa. Isso porque o frio pode se intensificar na madrugada e o risco de geada é grande. E em qualquer oportunidade de sol, deixe as plantas curtirem o momento. 😉

Você já sabia que os cuidados mudam em cada estação? Conta para a gente sua experiência cuidando das plantas. Se ficou com alguma dúvida, coloque nos comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *