Vochysia tucanorum

congonha-cachimbo, fruta-de-tucano, gomeira, rabo-de-arara, tucaneira, canela-santa, amarelinho, caixeta, cinzeiro, vinheiro-do-mato, coxa-de-frango, rabo-de-tucano, pau-de-tucano, pau-de-vinho, pau-terra, cinzeira, pão-doce, vinhático.

Frequente nas áreas de Cerrado onde o solo é acido e com teores de alum&iacuteiacute;nio elevados, o pau-de-tucano, como gosto de chama-lo, é uma das boas alternativas na arborização urbana por causa da florada amarelo-ouro espetacular que atrai tucanos, abelhas, beija-flores e borboletas e também pela rusticidade da espécie. Embora de crescimento lento, deveria ser mais utilizada no paisagismo porque seu destaque na paisagem durante o período que floresce é realmente notável, diferenciando-se das outras árvores com desabrochamentos amarelos.

Segundo Anne Lígia Dokkedal Bosqueiro, pesquisadora e professora do Departamento de Ciências Biológicas da Unesp de Bauru, a Vochysia contêm substâncias com propriedades capazes de prevenir e até tratar doenças como o câncer e a úlcera gástrica. Ela destaca outros trabalhos apontando seus atributos de cura, como os do professor Osmar Cavassan, que tem mostrado resultados positivos na melhora do estado caquético de pacientes oncológicos, quando perdem peso e apresentam quadro de saúde geral negativo.

Confira a ficha completa na Biblioteca de Espécies.

Autor: Raul Cânovas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *