Sprout Pencil: um lápis que se transforma em planta após o uso

Você sabia que cerca de 60 mil árvores são cortadas todos os anos para produzir uma média de 15 milhões de lápis de madeira em todo o mundo? Esse número assustador acabou dando origem a uma ideia inovadora que pode ajudar a reverter esse problema: o sprout pencil, um lápis que após o fim de sua utilização pode ser cultivado. Vem saber mais sobre isso!
O projeto criado por três estudantes do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, o MIT, a fim de diminuir os resíduos criados a partir dos lápis, nada mais é do que um lápis feito de cedro. No entanto, no lugar da borracha ele tem uma cápsula biodegradável contendo uma mistura de sementes. Uma vez que o lápis fica pequeno demais para escrever, você pode plantá-lo na terra: a cápsula se dissolve dentro de 24 horas e as sementes de plantas, flores ou temperos começam a brotar.
Amou a ideia? Nós também amamos! Através desses lápis você pode cultivar lavandas, manjericão, hortelã, alecrim, girassóis, tomates, pimentas verdes, e muito mais. O projeto está dando tão certo que já é vendido em mais de 60 países, com escritórios na Dinamarca e nos Estados Unidos. 
Mais uma inovação que deve ser compartilhada. Cuidar do meio ambiente é um dever de todos. <3 
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *