Regar as plantas é tarefa cheia de segredos

Não basta adubar ou selecionar boas sementes para determinado período do ano. O momento da hidratação é um dos mais importantes para o desenvolvimento saudável das flores ou plantas. O líquido inserido na terra é indispensável para a manutenção dos processos naturais e essenciais para a beleza dos jardins. Não dá para esquecer!
Para acertar na quantidade, hidratar no momento ideal e investir intervalos mais adequados, confira as dicas que o Jardim das Ideias separou para você. 
Horário ideal
Regue as plantas pela manhã ou no fim da tarde. 
Períodos menos adequados
Meio-dia: o sol forte pode ocasionar a evaporação do líquido.
Após as 18 horas: a absorção da água é prejudicada e as folhas podem desenvolver fungos.
Quantidade de água
Não existe porção ideal. Um dos segredos para acertar na hidratação é regar até que a terra fique levemente úmida. 
Existe um bom truque para acertar na porção:

– Despeje uma pequena quantidade de água e aguarde. Repita por algumas vezes. Redobre o cuidado assim que a terra começar a ficar úmida. Pare no momento em que o líquido estiver criando uma nova camada. Lembre-se: o excesso pode ocasionar o desenvolvimento de fungos e outras doenças prejudiciais para o crescimento saudável das plantinhas. 
Número de cuidados
É importante ficar de olho nas condições do dia. As temperaturas mais quentes pedem maiores quantidades de líquido enquanto os períodos mais frios demandam porções menores. Um bom truque para acertar baseia-se no toque: encoste o dedo na terra e verifique se ela está úmida ou não. Se estiver seca, aposte em mais uma quantia de água. 
Folhas secas ou molhadas?
Não é necessário umidificar as folhas. Na maioria das vezes, porém, esse processo é inevitável. A água pode respingar e molhar a região que deve ser protegida. Tenha muito cuidado durante a aplicação do liquido na base da planta. 
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *