Pterocarpus violaceus

aldrago, pau sangue, sangreiro, folha-larga, sangueiro, dragociana, pau-vidro

O nome cientifico significa “fruto asa” e alude às vagens que aparecem depois da florada de curta permanência na copa, às vezes, com chuva forte, dura apenas dois dias. Seus nomes comuns se originaram pelo fato do tronco exsudar, quando cortado, uma seiva de cor avermelhada. De qualquer forma, esta árvore que está em flor agora, é uma boa escolha para arborizar ruas e estacionamentos, já que suas raízes não danificam calçadas, as folhas são perenes e os frutos leves e secos não causam qualquer tipo de transtorno aos pedestres. É comum nas regiões de várzea ou no sopé de barrancos e outros fundos de vale.

Sendo espécie de fácil adaptação e multiplicação, torna-se fundamental quando utilizada em áreas degradadas e a pleno sol, assim como no paisagismo em geral, onde é pouco aproveitada.

Confira a ficha completa na Biblioteca de Espécies.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *