Proteja seus pets contra perigos do jardim

Geralmente
que tem bichinhos se preocupa mais com os estragos que eles podem causar ao
jardim, e se esquecem de que algumas plantas também podem fazer mal a eles. É
claro que é uma pequena minoria de espécies, mas é importante que você fique
por dentro para garantir a proteção dos seus pets. Confira nossas dicas!

 

Você
sabia que são os próprios bichinhos que sofrem com bagunça que eles provocam
nos jardins? Por que plantas tóxicas e espinhosas podem causar doenças, e
algumas vezes, até a morte deles. As variedades mais comuns que podem afetar a
saúde dos animais são plantas como Comigo-ninguém-pode, Coroa de Cristo, Copo
de Leite, Bico de Papagaio, Unha-de-gato, Aloe Vera (babosa), Tremoço, Tulipa,
Samambaia, Azaleia, Chapéu de Napoleão, Espada-de-São-Jorge, Jasmin e Lírio da
Paz, assim como as espinhosas.

 

E
até os adubos que parecem inofensivos, podem ser extremamente tóxicos, como é o
caso da Torta de Mamona. Por isso que tem bichos em casa deve dar preferência a
adubos naturais, já que os com substâncias químicas podem causar quadros
hemorrágicos. O mesmo vale para as mantas colocadas por baixo da grama.


Outro
perigo comum são casas que têm piscinas perto do jardim. O ideal é colocar uma
proteção sobre ela para evitar acidentes, ou ainda, utilizar cercas em volta do
espaço. Para quem deseja investir num paisagismo simples, mas muito prático
para esse caso, a dica é colocar uma cerca-viva no local com espécies que não
sejam tóxicas aos bichinhos.  Plante
mudas em fileiras, uma do lado da outra na distância de cerca de 30
centímetros, para que elas, ao crescerem, façam um fechamento vegetal.

Mas
a dica mais natural e saudável é levar seu pet para gastar energia em
atividades fora de casa, para brincar ou passear. Com isso você vai deixá-los
cansados demais para arruinar o jardim, e principalmente muito felizes.


Gostou?
Então comenta aqui embaixo quais são suas dicas para proteger os pets dos
perigos do jardim! 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *