Pergunta de André Ouriques

Nome: André Ouriques
Cidade: Rio de Janeiro – AC
Pergunta: Meu amigo Raul preciso de ajuda. Tenho uma área de uns 500 m² com um misto de sombra e sol, vou fazer alguns canteiros, mas mesmo assim vai sobrar muita sombra. Eu amo terrenos gramados e por isso quero gramar esta parte que não está gramada, e me disseram que a grama São Agostinho é a mais resistente à sombra, resistindo também ao pisoteio. Isso é verdade? Tenho como ter grama sob a sombra.

Desde já agradeço as suas ajudas, lembrando que usarei as forrações resistentes à sombra, como a grama preta, somente nos canteiro onde ninguém irá pisar.



Resposta:

Meu caro André,

Toda e qualquer gramínea precisa de boa insolação e isto não é só para os gramados esportivos ou ornamentais. O milho, o arroz, a cana de açúcar, o centeio, o trigo, a alfafa, a aveia, os bambus, em fim, são milhares de espécies que constituem a família das Gramineae ou Poaceae, que devem ser cultivados a pleno sol.

A grama santo agostinho (Stenotaphrum secundatum) suporta áreas semi-sombreadas, contudo em espaços escuros não apresenta densidade ou seja, fica rala e desbotada.

Quando usada em locais muito sombreados a adubação balanceada é importante, por isso não descuide do Nitrogênio, encontrado no salitre do Chile, na farinha de sangue e na torta de mamona; outros micronutrientes vão possibilitar a formação de clorofila, que na falta de sol dificulta a formação, são eles: Manganês, Ferro, Zinco, Enxofre e Magnésio. São comercializados muitos fertilizantes específicos que podem suprir, em parte, a falta de sol.

Abraços

Data da pergunta: 15/04/2010 11:16:30

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *