Já conhece os jardins ingleses?

Já conhece os jardins ingleses?

Pensar em paisagismo remete a conhecer os estilos de jardins, quem são as principais referências de paisagistas e profissionais que compõem ambientes com plantas. Através destas referências teóricas é possível fundamentar uma experiência mínima para a evolução do paisagismo como arte, criação e composição de jardins. Hoje você vai conhecer um pouco mais sobre os jardins ingleses!

Inicialmente os jardins ingleses seguiram a linha de raciocínio dos jardins renascentistas, como aconteceu na Itália e na França. Porém, já no final dessa época, os ingleses resolveram abordar novas linguagens que influenciaram totalmente na composição desses jardins. Os jardins ingleses passam então a ser marcados pelo período do Romantismo, séc. XVIII. Essa nova linguagem de jardim ia contra as linhas geométricas tão presentes na Itália e na França, procurando criar linhas mais naturais e canteiros mais harmônicos. O objetivo dos ingleses deixou de ser a expressão e representação do poder através da natureza, mas sim a expressão da natureza pela natureza, procurando reproduzir a paisagem natural de um ambiente. Esses jardins passam a ser conhecidos como jardins naturalistas ou paisagistas.

O planejamento de um jardim inglês era bastante formal, já que as espécies eram sempre escolhidas a dedo. Por outro lado, o crescimento desses jardins acontecia bem mais informalmente, possibilitando o crescimento livre das espécies. Flores silvestres, forrações, árvores e muitas espécies nativas eram quase regra para um jardim inglês, que mantinham uma assimetria, sempre buscando causar surpresas durante seus caminhos. É comum encontrar elementos posicionados de forma central no espaço, podendo ser um lago ou alguma grande árvore.

Como aprender mais sobre paisagismo?

O terceiro módulo do curso Pró-Jardim STIHL auxilia você a ir além da jardinagem, trazendo lindas ideias e conceitos paisagísticos, entendendo um pouco mais sobre estilos de jardim, princípios básicos na elaboração de projetos e introdução às grandes tendências do mercado, como urban jungle, lagos e piscinas naturais, jardins verticais e projetos produtivos. O curso é 100% online, gratuito e você pode se inscrever hoje mesmo acessando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *