Desidratando flores para a decoração

Podendo ser
usada nos mais diferentes tipos de decoração, as flores secas são uma maneira
de preservar momentos do seu jardim. Desde muito tempo, esta técnica é
utilizada para decorar cartões, velas, formar lindos buquês e arranjos florais.

Uma das
técnicas mais simples de desidratação de flores consiste em colocá-las entre as
páginas de um livro grosso e pesado. Enciclopédias e listas telefônicas
funcionam muito bem para esse propósito. Certifique-se que elas estejam livres
de sereno antes de coloca-las entre as páginas. O tempo de secagem pode variar
de 2 a 4 semanas. Após, guarde-as entre folhas de papel manteiga, em uma caixa,
até o momento de usá-las.

Para flores
como as sempre-vivas, que conseguem manter seu vigor por bastante tempo, o
processo de secagem é diferenciado. Forme pequenos buquês de 10 unidades da
flor e amarre com um cordão de algodão. E deixe-as pendurados em um local
fresco e de bastante ventilação. Após este processo, guarde-as em uma caixa de
papelão.

Com exceção
das sempre-vivas, as flores perdem a coloração quando desidratadas, podendo ser
tingidas para impactar no décor. Prepare anilina comestível e álcool em um
recipiente de boca larga e mergulhe a planta até ficar totalmente coberta com a
solução. Deixe-a secar sobre plástico, lembrando que a anilina mancha, tanto
superfícies quanto a pele, então, cuidado com o seu manejo.


Estas são as
técnicas mais comuns para desidratar e colorir as flores para arranjos e
decoração. Você conhece outras? Conte nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *