Como plantar em água: passo a passo

Como plantar em água: passo a passo

A hidrocultura é o cultivo de plantas sem terra. É uma técnica muito interessante que podem formar lindos vasos. Sua diferença da hidroponia está em alguns detalhes: enquanto a hidroponia geralmente está relacionada à hortaliças e água corrente, na hidrocultura o plantio é feito com água parada em recipientes fechados.

Algumas espécies que se desenvolvem muito bem na água são jiboia, filodendro, antúrio, singônio, costela-de-Adão, bambu-da-sorte e espada-de-São-Jorge.

Faça você mesmo um vaso sem terra

Agora que você já sabe mais sobre a hidrocultura, chegou a hora de colocar a mão na massa e fazer o seu próprio cultivo na água!

Materiais necessários:

• Um recipiente para fazer o plantio: pode ser uma garrafa, um copo, um pote de geleia;
• A planta escolhida;
• Água;
• Argila expandida ou outros materiais para a drenagem, como brita, seixos, bolinhas de hidrogel ou pedra de rio;
• Carvão ativado (pode ser carvão de churrasco também).

Modo de fazer:

Se a planta escolhida for retirada da terra, o primeiro passo é higienizá-la muito bem. A limpeza também deve ser feita em todos os itens que serão utilizados no seu arranjo, como a argila expandida.

Coloque a argila expandida dentro do recipiente escolhido. Esse elemento é importante para ajudar na fixação das raízes da planta, além de ter um charmoso efeito decorativo. Após, acrescente um pedacinho de carvão. A função dele é purificar a água.

Agora, coloque a plantinha escolhida e preencha de um a dois terços do recipiente com água. Ele não deve ser preenchido até a borda para evitar o aparecimento de mosquitos causadores de doenças.

Coloque a sua plantinha em um local bem iluminado e pronto!

Cuidados necessários:

Não há uma regra quanto a trocas de água. É importante fazer uma observação da saúde das plantas e do estado em que está o recipiente do plantio. Se ele ficar esverdeado ou com mal cheiro, é hora de trocar a água e fazer uma nova limpeza.

De três em três meses é interessante fazer a adubação das plantas. Vale acrescentar na água um pouco de fertilizante químico ou mesmo um biofertilizante – confira aqui como fazer o seu a partir de restos orgânicos.

Esse passo a passo foi apresentado por Lúcia Borges na live #emcasacomSTIHL realizada no dia 08 de abril. Confira o vídeo clicando aqui.

Um comentário
  1. simplificado, parece fácil, vou tentar, assim que conseguir sair, para comprar os objetos necessários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *