Clerodendron fragrans

Desfrutar o jardim à noite? Porque não, se você reservar um espaço para ser exclusivamente usufruído a luz do luar. Não esqueça seu lado romântico. Pense em um jantar estimulante, imagine-se dançando sob a copa de uma árvore, cuja copa rendada desenha o plenilúnio a seus pés.
Um maciço de clerodendros vão criar um “clima” delicioso. Suas flores desabrocham dobradas com pétalas brilhando como turmalinas cor-de-rosa, suaves, lembrando pequenas rosas biscuit que, mitologicamente, são associadas ao deus Adonis, o amado de Vênus. Nada mal para um palco poético que, particularmente, será nutrido pelo delicado perfume dessas flores, sempre com mais intensidade, depois do cair da tarde.

Autor: Raul Cânovas
 

Nome científico: Clerodendron fragrans
Nomes comuns: flor-do-monturo, clerodendro-odorífero.
Sinônimos estrangeiros: chinese glory bower, cashmere bouqet, scent malli, false pikake, glory tree, rose clerodendron, stickbush, Honolulu rose (em inglês); hortencia filipina (em espanhol); popkok rabu kambang (em malaio).
Família: Lamiaceae.
Características: arbusto de forma colunar.
Porte: 1,80 m.
Fenologia: primavera e verão.
Cor da flor: rósea (com fragrância).
Cor da folhagem: verde-médio.
Origem: sul da China, norte do Vietnã e Japão.
Clima: subtropical/ tropical.
Luminosidade: sol pleno ou sombra parcial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *