Cheiro Verde em vasos

O Jardim das Ideias é um espaço democrático. Aqui falamos desde árvores de grande porte a pequenas flores, e claro, não podemos deixar de lado algumas hortaliças que podem muito bem ser cultivadas em nossos jardins. Uma das mais populares nas pequenas hortas é o Cheiro Verde, uma combinação de cebolinha com salsa ou com coentro. O grande benefício deste cultivo, que pode ser feito atém mesmo em vasos, é que eles estão livres de agrotóxicos e sempre fresquinhos.

Escolha um vaso ou jardineira que tenha um ou mais furos para fazer a drenagem. Coloque um caco de telha para proteger este furo, ou então uma fina camada de pedras ou cascalho, e cubra com terra misturada com adubo orgânico e plante suas mudinhas de salsa e cebolinha, ou até mesmo as sementes compradas em saquinhos. Seu vaso precisa ficar em um local com boa iluminação solar. A irrigação normalmente é feita dia sim, dia não. Cabe observar a terra para que não fique muito molhada.

A cebolinha pertence à família Aliácea, a mesma do alho e da cebola, e no Brasil são cultivadas duas espécies, a cebolinha verde, ou comum, originária do Oriente ou Sibéria, e a cebolinha de folhas finas ou galega, originária da Europa. A salsa e o coentro são da família Apiácea, têm a aparência muito parecida, mas seus sabores são distintos.

Para a utilização na cozinha o cheiro verde dever ser bem lavado, retirando a terra que pode ficar na hortaliça. As folhas de salsa e cebolinha podem ser usadas cozidas em praticamente qualquer prato salgado. Elas também podem ser consumidas cruas em saladas ou como ingredientes em marinadas. Outra forma de uso da salsa e do coentro, devido ao formato dos ramos, é na decoração de pratos, basta usar a criatividade.

Fonte das informações técnicas: Embrapa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *