Acorus gramineus

No Japão, esta planta simboliza a coragem dos samurais, por causa da forma espadanada que suas folhas possuem e que lembram as espadas de combate, ou katanás, que os guerreiros usaram durante sete séculos.

Para lembrar estas glórias passadas, é celebrado o Tangu no Sekku (dia dos meninos) todo 5 de maio; nessa data as crianças, de sexo masculino, tomam um banho perfumado com essa planta (shobu-yu) devido a crença de que os poderes dela irão preservá-los de todo mal, além de inspirar-lhes sucesso.

O Mini-cálamo-do-japão pode ser usado na beira de espelhos-d’água, já que é palustre e também ciliar, podendo ter suas raízes um contato permanente ou periódico com a água. Peixinhos e rãs adoram a moita que esta herbácea forma e fazem dela seu habitat.

Autor: Raul Cânovas
 

Nome botânico: Acorus gramineus ???Variegatus???.
Nomes comuns: Mini-cálamo-do-japão.
Sinônimos estrangeiros: Miniature Sweet Flag, Grassy-leaved Sweet Flag, Flagroot, Gladdon, Myrtle Flag, Sweet Cane (em inglês). Acoro Gramíneo, Junco Japonés (em espanhol).
Família: Acoraceae
Características: planta perene com rizoma espesso, comum em locais pantanosos.
Porte: 20 cm a 30 cm.
Fenologia: fim da primavera e verão.
Cor da flor: imperceptíveis, brancas na base da planta.
Cor da folhagem: matizado (verde médio e creme).Levemente perfumadas.
Origem: sul do Japão, Taiwan, Mianmar, Tailândia e Filipinas.
Clima: tropical/subtropical.
Luminosidade: sol pleno ou sombra parcial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *