O que posso fazer para a Palmeira não morrer e se desenvolver normalmente?

Nome: Renan

Pergunta:
Olá, minha palmeira Phoenix, plantada em um vaso grande, recebe sol diariamente e é regada duas vezes por semana, sem ficar encharcada. Foi adubada com torta de algodão e farinha de ossos por um tempo. Apresentou bastante fungo numa ocasião de muita chuva, frio, pouco sol, e tive de cuidar por um mês para que se curasse totalmente. Tempos depois utilizei ureia porque já não se desenvolvia bem. Mais tarde adubei com um fertilizante apropriado para palmeiras, na quantidade indicada, e mesmo assim não se desenvolveu. Passados alguns meses, várias folhas amarelaram e secaram. Fui cortando uma a uma e restaram apenas quatro folhas centrais que deveriam se abrir, porém se passaram mais de 06 meses e elas estão paralisadas, não se abriram praticamente nada. Há dois meses, removi parte da terra, cortei algumas partes de raízes longas que estavam quase saindo do vaso e coloquei húmus com nova terra vegetal, nenhum outro adubo, pois acredito que o fertilizante específico para palmeiras tenha sido “forte” por ela estar em vaso. Rego regularmente, sem excessos, e a planta continua no mesmo estado, com as folhas centrais praticamente fechadas (algumas estão mesmo), paralisadas, não abrem de modo algum. O que posso fazer para a palmeira não morrer e se desenvolver normalmente?

Resposta:
Olá Renan! Pelo que relatou, você já tomou os cuidados necessários. Oriento a colocar em local com bastante iluminação, realizar as regas com intervalo de dois dias e verificar se o subtrato está drenando bem, se não está acumulando muita água nas raízes. Boa sorte!
Fágner Henrique Heldt – Biólogo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *