O charme da peperômia-melancia

O charme da peperômia-melancia

Se você está atrás de uma planta com lindas folhagens, vai adorar conferir o post de hoje! A peperômia-melancia (Peperomia sandersii) encanta com suas belas folhas em tons de verde, lembrando muito a fruta presente em seu nome. As listras também fazem que seja conhecida como peperômia-zebra. Ela é uma herbácea perene, nativa da Mata Atlântica do nosso país e de países da América Latina, como Equador, Bolívia e Venezuela. Pode atingir de 20 a 25 centímetros de altura.

Mesmo sendo uma planta natural do Brasil, o sucesso começou mesmo na Europa. O uso da peperômia-melancia em painéis e jardins verticais, prática iniciada na França e que caiu nas graças do mundo todo, ajudou a folhagem a entrar no gosto do mundo inteiro.

Como cultivar a peperômia-melancia

A peperômia-melancia é uma ótima amiga de quem está iniciando na jardinagem. Não é preciso muito para que ela cresça bem e bonita, apenas o básico, como um solo bem adubado, fofo e úmido, coberto por uma camada de palha protetora, a qual serve para proteger do calor intenso e ainda mantém a terra fértil.

Cuidados com a peperômia-melancia

A rega deve manter o solo sempre úmido, então pode colocar bastante água. É importante, no entanto, que o vaso seja bem drenado para que as raízes não apodreçam.

O local em que a peperômia deve ser parcialmente iluminado, pois a planta pode queimar se for muito exposta ao sol. Se você for deixar dentro de casa, ela deve ficar em uma área perto de uma janela com bastante claridade, assim, a folhagem se mantém viva, brilhante e tem sua cor realçada.

Além disso, você pode fazer o plantio dela o ano inteiro, porém, a floração acontece apenas no período da primavera e do verão.

O que você achou? É uma ótima dica para encher seus cantinhos favoritos de estilo. Comente o que você achou da peperômia-melancia e partiu jardinagem! Até a próxima!

Um comentário
  1. Boa tarde! Minha peperômia-melancia está com algumas folhas nascendo deformadas e emborcadas para cima, igual um copinho. Normalmente essas folhas não crescem muito. Isso significa que a planta está deficiente de alguma coisa?
    Agradeço qualquer resposta.

    1. Olá, Ana! Pode ser uma carência nutricional. Os micronutrientes, adubos que a planta consome em menor quantidade, são muito importantes para a integridade das plantas, quando estão em falta prejudicam as brotações novas. Pesquise em uma floricultura um adubo que tenha os micronutrientes na fórmula (Molibdênio, Ferro, Cobalto, Zinco, entre outros). Por via de regra, os adubos orgânicos contém tanto os macro quanto os micronutrientes. Adube uma vez por mês para que sua planta não fique com “fome”, mas lembre de colocar sempre pouco adubo, para não queimar às raízes. Se você preferir investigar mais a fundo, nos mande uma foto das folhas com esta característica e assim poderemos identificar se é uma doença ou outra anormalidade e te recomendar o melhor tratamento.

      Vânia Angeli, Engenheira Agrônoma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *