O charme da peperômia-melancia

O charme da peperômia-melancia

Se você está atrás de uma planta com lindas folhagens, vai adorar conferir o post de hoje! A peperômia-melancia (Peperomia sandersii) encanta com suas belas folhas em tons de verde, lembrando muito a fruta presente em seu nome. As listras também fazem que seja conhecida como peperômia-zebra. Ela é uma herbácea perene, nativa da Mata Atlântica do nosso país e de países da América Latina, como Equador, Bolívia e Venezuela. Pode atingir de 20 a 25 centímetros de altura.

Mesmo sendo uma planta natural do Brasil, o sucesso começou mesmo na Europa. O uso da peperômia-melancia em painéis e jardins verticais, prática iniciada na França e que caiu nas graças do mundo todo, ajudou a folhagem a entrar no gosto do mundo inteiro.

Como cultivar a peperômia-melancia

A peperômia-melancia é uma ótima amiga de quem está iniciando na jardinagem. Não é preciso muito para que ela cresça bem e bonita, apenas o básico, como um solo bem adubado, fofo e úmido, coberto por uma camada de palha protetora, a qual serve para proteger do calor intenso e ainda mantém a terra fértil.

Cuidados com a peperômia-melancia

A rega deve manter o solo sempre úmido, então pode colocar bastante água. É importante, no entanto, que o vaso seja bem drenado para que as raízes não apodreçam.

O local em que a peperômia deve ser parcialmente iluminado, pois a planta pode queimar se for muito exposta ao sol. Se você for deixar dentro de casa, ela deve ficar em uma área perto de uma janela com bastante claridade, assim, a folhagem se mantém viva, brilhante e tem sua cor realçada.

Além disso, você pode fazer o plantio dela o ano inteiro, porém, a floração acontece apenas no período da primavera e do verão.

O que você achou? É uma ótima dica para encher seus cantinhos favoritos de estilo. Comente o que você achou da peperômia-melancia e partiu jardinagem! Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *