Consumo sustentável: alimentos que podem ser replantados

Consumo sustentável: alimentos que podem ser replantados

O consumo sustentável e consciente pode começar com uma atitude básica: o replantio dos restos de legumes e verduras consumidos na sua casa. Abaixo, trazemos quatro exemplos de alimentos que podem ser replantados e como você deve fazê-lo, confira:

Cenoura: tudo o que você precisa fazer é cortar a tampinha e manter em um recipiente com água até sua metade, trocando sempre. Aos poucos você vai notar novas folhas surgindo no pedacinho de cenoura. Elas podem ser usadas em sopas, ensopados e até refogados! O mesmo método também funciona para a beterraba!

Cebolinha: o segredo aqui é comprar a cebolinha com caule! É só fazer um corte diagonal e coloca-la em um copo com água, trocando frequentemente. Eventualmente, ela começará a criar raízes, momento em que deve ser transplantada para um vasinho. Com esta técnica é possível montar uma horta de temperos, pois ela também funciona com o manjericão, a hortelã, o alecrim, o tomilho e a erva-cidreira.

Abacaxi: aqui você precisa ter um pouco mais de paciência. Remova as folhas de dois dedos da base da coroa e deixe-a exposta. Coloque em um copo com água suficiente para tocar esta parte e troque-a a cada três dias. Em cerca de três meses ele vai começar a criar raízes, então você o transplanta para o solo e consegue colher uma nova leva de abacaxis em cerca de um ano.

Abacate: o replantio do abacate é ideal para fazer na companhia de seus filhos e pensando em seu futuro. Você pega o caroço, deixa secar e remove a casca que se forma. Depois disso, finque dois palitos em forma de cruz e suspenda em um copo com água, deixando só a base tocar no líquido. Quando começar a enraizar é só plantar e esperar. Pode demorar décadas – uns 50 anos! – para que o abacateiro dê frutas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *