Calandiva: a flor-da-fortuna

Calandiva: a flor-da-fortuna

Também conhecida como flor-da-fortuna e flor-do-papai, a calandiva (Kalanchoe blossfeldiana) é de origem africana e encanta a todos com sua variedade de cores e a facilidade na hora de cuidar. Da mesma família, existe a calanchoê, que possui flores com apenas quatro pétalas. Já as da calandiva são dobradas e lembram minirrosas.

Quer saber mais sobre essa plantinha que é considerada sinônimo de felicidade e fortuna? Continue acompanhando esse post!

Plantando a calandiva

A calandiva se propaga por sementes ou estaquia de folhas. Normalmente plantada em vasos e floreiras, deve-se utilizar solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica. Uma dica: combine as diversas cores da espécie para formar um jardim colorido e adorável. As flores da calandiva podem ser vermelhas, laranjas, amarelas, rosas e brancas. Um encanto para os olhos!

Cuidando da calandiva

A calandiva é uma planta que necessita de bastante luz do sol para florescer. Temperaturas muito quentes e muito frias não fazem bem para a plantinha, que pode acabar morrendo. Opte sempre por ambientes com temperaturas amenas, com incidência de luz solar. Um dos aspectos essenciais para cuidar da calandiva é a irrigação: no verão, convém regá-la de duas a três vezes por semana. Se existir uma certa frequência de chuvas, suspenda a rega para não encharcar a planta. Já no inverno, uma vez por semana é o suficiente.

Aproveite as dicas e tenha essa linda planta para colorir a sua casa ou presentar as pessoas que você ama. Delicada, resistente e fácil de cuidar, essa é a calandiva. Continue acompanhando o portal Jardim das Ideias para mais dicas como essas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *