Palmeiras , Planta da Semana - Palmeiras

Jerivá ou Coqueiro-gerivá (Syagrus romanzoffiana)

Típica no planalto meridional e na região do Chaco, seu uso não é restringido apenas ao paisagístico, já que é muito utilizada em jardins públicos e residenciais, mas também, no caso do tronco, a construções rurais e piers para atracação de embarcações. As folhas são usadas em cestaria e os frutos além de comestíveis são aproveitadas na fabricação de sabão.

Mas é nos jardins onde o jerivá tem luzimento, apenas deve-se tomar cuidado com suas folhas, pesadas e grandes, que ao cair sobre uma residência pode quebrar as telhas.

O escudo da Província del Chaco, Argentina, ostenta um pindó, como é conhecido naquele país, no centro da imagem, deixando claro a importância histórica-econômica dessa palmeira.

Confira a ficha completa na Biblioteca de Espécies.

Autor: Raul Cânovas

14 de dezembro de 2009

78 comentários

Carregando...
  • sirlei comentou dia 23 de dezembro:

    Gostaria de todas as informações sobre o coqueiro gerivá como: aspectos de plantio, adubação, fitossanidade, indice de pega etc... grata

  • Raul Cânovas comentou dia 28 de dezembro:

    Olá Sirlei,

    Seguem as informações que pede:

    Syagrus romanzoffiana.

    coqueiro-gerivá, jerivá, jeribá baba-de-boi, coco-de-catarro, coquinho, coco-babão.

    · Típica no planalto meridional e na região do Chaco, seu uso não é restringido apenas ao paisagístico, já que é muito utilizada em jardins públicos e residenciais, mas também, no caso do tronco, a construções rurais e piers para atracação de embarcações. As folhas são usadas em cestaria e os frutos além de comestíveis são aproveitadas na fabricação de sabão.
    Mas é nos jardins onde o jerivá tem luzimento, apenas deve-se tomar cuidado com suas folhas, pesadas e grandes, que ao cair sobre uma residência pode quebrar as telhas.
    O escudo da Província del Chaco, Argentina, ostenta um pindó, como é conhecido naquele país, no centro da imagem, deixando claro a importância histórica-econômica dessa palmeira.

    Sinônimos estrangeiros:
    queen palm, cocos palm, jeriva (em inglês); coco plumoso, pindó, arecastrum, coquitos, gerivá, jerivá, palma chirivá, palma de la reina, palma del monte ,pindó de misiones ´cheribau ,dátil,cocos(em espanhol).

    Família:
    Arecaceae.

    Porte:
    de 8 a 20 m de altura.Na mata densa pode alcançar 25 m.

    Fenologia:
    Atemporal (depende da região) mais freqüente no verão.

    Cor da flor:
    Amarelada.

    Cor da folhagem:
    Verde-escuro.

    Origem:
    Brasil, Paraguai, Uruguai, Bolívia e nordeste da Argentina até o delta do Paraná.

    Clima:
    tropical / subtropical (tolera geadas).

    Luminosidade:
    Sol pleno.

    As sementes germinam em 3 meses, as vezes demoram mais, dependendo da época e da região. Devem ser selecionadas as mais secas e submergidas em água por dois dias, para quebrar a dormência. Em seguida são colocadas, na sombra, em cima de uma camada de 3 cm de areia grossa e cobertas por outra camada de substrato com a mesma espessura.

    Mantidas úmidas ate alcançar mais ou menos 15 cm, devem ser transplantadas para sacos plásticos e colocadas a meia- sombra até que, já com 40 cm, possam ser transplantadas ao local definitivo

    S. romanzoffiana prefere locais ensolarados, solos drenados, um tanto arenosos, ligeiramente ácidos, ou neutros; ricos em nitrogênio, ferro e manganês. Uma adubação com NPK 15-10-15 + micronutrientes é aconselhável. Desenvolve se melhor em regiões com umidade alta, especialmente em época de crescimento, suporta o frio e as geadas leves.

    São pouco afetadas por doenças ou pragas. Ácaros, cochonilhas ou pulgões, surgem quando plantadas em locais muito sombreados, sob lajes ou interiores. Nos jardins, por causa do excesso de iluminação noturna, são infestadas por lagartas da borboleta Brassolis, que se alimentam dos folíolos novos. O controlo é feito com Dipel, pulverizando a coroa foliar. É raro, mais tem acontecido ataque de nematóide.

    Acho que é isso aí que queria saber. Certo?

    Abraço.

  • Noe Severo comentou dia 06 de janeiro:

    Tenho em meu jardim aproximadamente 10 Jerivás, porem dois deles estão apresentando rachaduras no caule aparentando apodrecimento, o que pode ser? como posso resolver? Os jerivas são novos verca de 4 anos.

  • Raul Cânovas comentou dia 10 de janeiro:

    Olha só Noe,

    Esses jerivás, pelo que tudo indica, foram infestados por resinose. É um fungo que ataca coqueiros e outras plantas jovens ou adultas. Caracteriza-se pelo escurecimento e intumescimento da casca, formando rachaduras verticais no estipe (tronco), seguidos de intensa exsudação de goma. Abaixo da casca do jerivá, observa-se um escurecimento dos tecidos o qual se prolonga até a parte interna. Ocorrem também amarelecimento e queda de folias. Deve se evitar ferimentos na planta, desinfetar tesouras, facão e qualquer outra ferramenta para não contaminar os outros.
    Lhe aconselho fazer uma espécie de cirurgia de limpeza com um canivete ou faca bem afiada, retirando todo o tecido afetado e queimando-o em seguida, depois aplique pasta bordalesa ou um fungicida à base de cobre, nas rachaduras.
    Seguramente os coqueiros carecem de alguns nutrientes como: enxofre, boro e cobre. Recomendo uma adubação, para cada jerivá, feita com:
    * 300 g de superfosfato simples;
    * 50 g de bórax;
    * 10 g de uréia, misturada com 1 litro de água e aplicada com regador no pé. Repetir 3 vezes com um intervalo de 30 dias;
    * 50 g de sulfato de potássio.

    Isto vai resolver. Abraços,

  • Fabricia comentou dia 12 de fevereiro:

    Caro Sergio
    tenho um jerivá do lado da piscina em casa...ele sempre muito produtivo (folhas e cachos). Agora nessa epoca de chuva as folhas estao amarelando e secando rapidamente e o cacho começa a amadurecer (fica amarelo com as folhes) e nao 'da fruto ...vai ficand preto e seca completamente. O que ele tem?? o que devo fazer???
    obrigada

  • Raul Cânovas comentou dia 21 de fevereiro:

    Olá Fabricia,

    Na falta do Sergio, eu Raul, vou tentar resolver sua questão.

    Pela sua descrição acho que seu jerivá está com uma doença conhecida como anel-vermelho, ocasionada por nematóide.

    Os sintomas são caracterizados pelo amarelecimento das folhas, começando pela seca da ponta para a base. Elas secam e quebram na base. Com o avanço da doença, essas folhas inferiores ficam penduradas, presas ao tronco do jerivá.

    Infelizmente essa doença tem poucas esperanças de cura. Pode tentar armadilhas para capturar o inseto vetor ou um controle biológico usando um fungo conhecido como Beauveria bassiana que causa doença fatal nesse inseto. Ver: www.naturalrural.com.br

    Abraços,

  • Thaise comentou dia 21 de maio:

    Olá. Tenho cinco coqueiros jerivá perto da piscina e suas folhas estão amareladas. Pode ser deficiência de algum nutriente? Já foi feita uma adubação mas parece não ter resolvido o problema. Obrigada

  • Raul Cânovas comentou dia 25 de maio:

    Certamente Thaise,

    Eles estão carentes de alguns nutrientes, seguramente de nitrogênio e também de cálcio e magnésio. Obviamente precisaria vê-los e até talvez analisar o solo para detectar com precisão quais são as carências e qual a medida que necessita ser suprida.

    Em princípio, pode aplicar sem receios:

    * 300g de calcário dolomítico,
    * 200g de salitre do Chile,
    * 500g de torta de mamona.

    Revolva o solo na hora de aplicar.

    Abraços,

  • joao comentou dia 20 de junho:

    quantos centimetros o geriva cresce por ano e quato tempo ele leva para atingir três (3) metros.
    gratos

  • Raul Cânovas comentou dia 22 de junho:

    Olá João,

    Isto depende de uma série de fatores climáticos e da fertilidade do solo. Entretanto, para alcançar 3 metros, até a ponta do palmito, calcule aproximadamente 2 anos e meio.

    Abraços,

  • Nádia comentou dia 22 de fevereiro:

    Olá,
    Para quebrar a dormencia a semente deve ser
    submergidas em água por dois dias, a aguá tem que ser fria ou quente? deve ser trocada a cada quanto tempo?
    Agradeço desde já.

  • Raul Cânovas comentou dia 27 de fevereiro:

    Oi Nádia,

    A água deve ser na temperatura ambiente e não precisa ser trocada nesses dois dias.

  • Paulo Henrique da Silva comentou dia 25 de março:

    posso aterrar o tronco do geriva , elevando o terreno , por 50centimetros , , a terra nao vai fazer mal para o tronco do geriva

  • Raul Cânovas comentou dia 27 de março:

    Nem pense nisso, Paulo Henrique!

    A terra vai afogá-lo e seu gerivá vai morrer em pouco tempo.

    Abraços,

  • Dilma Jardelina Lopes comentou dia 22 de maio:

    n sei de nada doque esta escrito ai eu n li e n qero ler

  • luiz comentou dia 25 de maio:

    o que provoca e,qual seria o tratamento para o
    afunilamento progressivo da parte inferior do tronco adulto de certos coqueiros jerivá

    agradecido

  • Raul Cânovas comentou dia 29 de maio:

    Olá Luiz,

    O afunilamento pode ter várias causas, por exemplo:

    Mutilação do sistema radicular por ocasião de transplantes;
    Frio e estiagem prolongado;
    Deficiência nutricional grave.

    Abraços,

  • Ana Clara comentou dia 17 de junho:

    que om saber fiquei feliz :

  • FÁBIO comentou dia 18 de junho:

    gostaria de saber tudo sobre a palmeira gerivá:
    - suas raizes danificam encanamentos elétricos/aguá;
    - qual a distância que devo plantar dos canos?
    - qual tempo que o coqueiro jeriva leva para atingir 4 metros de altura?

    grato,
    Fábio

  • Raul Cânovas comentou dia 22 de junho:

    Ótimo, Ana Clara!

  • Raul Cânovas comentou dia 22 de junho:

    Oi Fábio,

    - As raízes do jerivá são de pequena extensão;
    - A muda deve ser plantada a uma distancia mínima de 80 cm;
    - O crescimento depende da região onde for cultivado.

    Abraços,

  • Paulo Roberto comentou dia 13 de agosto:

    Boa Tarde!

    minha jerivá está tbm com rachaduras no tronco e com cheiro de cana podre..e tbm cheio de formigas bem pequenas,será tbm Resinose?
    eu retirei as cascar podres com formigas,isso pode prejudicar a planta?
    Obrigado!

  • Sergio Magro comentou dia 14 de agosto:

    Oi, boa tarde.

    Tenho um gerivá plantado a 8 anos, já atingiu mais de 3 mts de altura, porém até hoje ele não deu frutos.
    Qual o tempo para começar a produzir frutos??? Obrigado.

  • Raul Cânovas comentou dia 21 de agosto:

    Boa noite Paulo Roberto,

    Deve ser sim, foi acertado o que fez. Complemente o tratamento com os mesmos conselhos que forneci ao Noe, em 10 de janeiro.

    Abraços.

  • Raul Cânovas comentou dia 21 de agosto:

    Boa noite Sergio,

    Isto depende da região onde foi plantado. Entretanto 8 anos é tempo suficiente para começar a dar frutos. Não descuide das regas e de uma adubação rica em fósforo.

    Abraços.

  • Paulo Roberto comentou dia 22 de agosto:

    Muito obrigado Raul Cânovas!!abç..

  • Raul Cânovas comentou dia 06 de setembro:

    Você merece toda a minha atenção, Paulo Roberto! Abraços.

  • Marcos comentou dia 02 de outubro:

    Boa tarde. Plantei um Jerivá no meu jardim em março/2012 e ele já estava com 2 metros mais ou menos, pois comprei no Ceasa/SP. Percebi que ele parece anêmico. Onde plantei tem sol quase o dia todo e sempre estou regando nesses períodos de mais seca. Que faço pra melhorar a aparência dele?

  • Maria Luiza Konig de Almeida comentou dia 28 de outubro:

    Comprei uma casa na praia e no canto do jardim dos fundos, proximo ao muro( praticamente colado)está o tronco de um Jerivá. Ele deve ter mais ou menos 8 anos. Minha preocupação é referente rachar e derrubar o muro que é divisa com outro condomínio, como devo proceder, desde já agradeço.

  • Raul Cânovas comentou dia 12 de novembro:

    Oi Marcos, aplique 100 g do fertilizante Forth Palmeiras agora, em janeiro e em abril, tomando cuidado de distribui-lo ao redor dele a uma distancia de 50 cm do tronco. Use também, anualmente, 1 kg de torta de mamona, na projeção da copa, misturado com a camada superficial do solo. Abraços

  • Raul Cânovas comentou dia 17 de dezembro:

    Maria Luiza,

    O jerivá não possui vasto sistema radicular. Se está plantado há uma distancia de, no mínimo, 80 cm, não oferece perigo a estrutura do muro.

    Abraços,

  • Raul Cânovas comentou dia 17 de dezembro:

    Maria Luiza,

    O jerivá não possui vasto sistema radicular. Se está plantado há uma distancia de, no mínimo, 80 cm, não oferece perigo a estrutura do muro.

    Abraços,

  • Rebeca comentou dia 22 de dezembro:

    Queria saber a média de preço de um jerivá adulto, aproximadamente 15 anos e onde comprar.
    Obrigada.

  • Ronaldo Cielo comentou dia 14 de janeiro:

    sobre sabao feito da fruta desse coqueiro, pois aqui nunca ninguem falou ou fes, por se puder enviar onde consigo, como faser esse sabao, pois aqui tem abundacia desse coqueiro.

  • RONALDO M CIELO comentou dia 14 de janeiro:

    periodo para coletar a semente para faser a semeadura. segundo informaçoes tem um periodo q entra um broca no coquinho novo ainda no cacho, confere essa informaçao, qdo amadurece, e cai ao chao ja entrou a broca.

  • Simone Ap. Gonçalves comentou dia 15 de janeiro:

    Oi,tenho três jerivas plantados lateralmente a piscina, a aproximadamente um metro de distância da mesma.Gostaria de saber se eles oferecem algum tipo de risco a estrutura da piscina?Suas raizes podem crescer procurando a agua ,danificando encanamentos ou mesmo o casco da piscina? Em uma das plantas as raizes estão crescendo para cima ficando totalmente expostas,isso é normal?

  • MARCO ANTONIO TEIGA comentou dia 16 de janeiro:

    Excelente site!
    Para transplantar um Jerivá jovem, é possível cortar sua copa( de onde saem as folhas ), para fazer a mudança de lugar, pois facilitaria o transporte devido ao peso elevado?
    Grato!

  • Raul Cânovas comentou dia 08 de fevereiro:

    Olá Simone,

    As raízes do jerivá são modestas, não oferecendo perigo mesmo durante a estiagem. É comum que aflorem, as vezes motivadas pela falta de Nitrogênio, que pode ser suprido com esterco e torta de algodão.

    Abraços,

  • Raul Cânovas comentou dia 15 de fevereiro:

    Marco Antonio,

    Nem pense em fazer isso! suprimir a copa equivale a decapita-la. Abraços,

  • Paulo comentou dia 16 de fevereiro:

    Boa noite Srs

    Minha arquiteta sugeriu que eu plante 7 palmeiras jeriva e volta e casa , que tem um vão de 2,5 metros entre muro e casa, de um lado ficaria uns 5 metros de distancia da piscina, um jardineiro me disse que ela faz muita sujeita, isto procede? Muito obrigado

  • Raul Cânovas comentou dia 11 de março:

    Paulo,

    O diâmetro da coroa foliar (copa) do jerivá é de, no máximo, 4 metros. O crescimento é rápido e a folhagem perene, portanto não perde folhas no inverno. Estas apenas se renovam periodicamente, não “sujando” a piscina.

    Pode plantar sossegado.

    Abraços,

  • fabio comentou dia 02 de abril:

    Tenho 3 palmeiras gerivas com 3 metros mas elas estão amarelando o que poderia ser . o solo é argiloso

  • Carmo José Heinzmann comentou dia 02 de abril:

    Bom dia! Gostaria de saber se existe coqueiro gerivá anão, próprio para jardim. Caso afirmativo, onde consigo muda do mesmo? Fico no aguardo. Att. Carmo Heinzmann

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 05 de abril:

    Oi Fábio,

    Teu problema pode se originar de diversos fatores. Com base na nossa experiência vamos indicar as possíveis causas:

    1 – Deficiência nutricional;

    2 – Encharcamento do solo ;

    3 – Doenças.

    Quando o sintoma ocorre em toda a folha é deficiência nutricional; quando ocorre em alguns pontos pode ser doenças. Folha amarelada em termos gerais é deficiência de nitrogênio. Abaixo, alguns link’s onde você poderá ver publicações com fotos de deficiências nutricionais e comparar com tuas plantas.

    http://www.cnpso.embrapa.br/download/Doc231.pdf

    Tem que observar se o solo onde as palmeiras estão plantadas já recebeu algum tipo de adubação (calcário + NPK). Os solos argilosos, em geral, são bastante ácidos e por consequência tem uma capacidade limitada de fornecer nutrientes às plantas. Numa linguagem mais simples equivale a dizer que suas plantas podem estar com “fome”. Se o problema for deficiência de nutrientes você pode corrigi-lo através de adubação química, que pode ser comprada numa casa agropecuária, ou adubação orgânica, através de restos de materiais vegetais compostados.

  • Rosangela comentou dia 24 de junho:

    Olá:
    Posso fazer mudas de jerivá usando pó de xaxim? Li em um site que faz uma camada de substrato (no caso o indicado foi fibra de coco) coloca as sementes e faz outra camada de substrato, ambas de mais ou menos 3 cm cada e em recipiente transparente e com tampa (tipo pote de alimentos). Como devo proceder afinal? Não quero comercializar, sou professora e quero mostrar aos meus alunos de 5 anos como realizar uma muda dessa palmeira pois estamos estudando os tucanos e eles gostam desta planta. Grata -Rosangela SP

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 27 de junho:

    Rosangela, o principal cuidado que você deve ter para ter sucesso na confecção da muda é realizar a quebra de dormência. Quanto ao procedimento de semeadura, pode ser este que você viu no site. Para o Jerivá recomenda-se imersão em água à temperatura de 25ºC por 96 horas para quebrar a dormência. Você pode ler mais sobre a quebra de dormência neste link http://www.infoteca.cnptia.embrapa.br/bitstream/doc/290718/1/doc40.pdf
    Abraço,
    Equipe Jardim das Ideias STIHL.
    Colaborou para esta resposta o Engenheiro Agrônomo, Marcelo Klein

  • Valdir Francisco dos Santos comentou dia 04 de agosto:

    Tenho um pe de PINDO/JERIVA que tem uns 4 anos e esta com uns 6 a 7 metros de altura e nao da cachos;existe uma explicaçao/tenho visto pes tao pequenos com frutos em nossos canteiros/C.Grande MS

  • Valdir Francisco dos Santos comentou dia 04 de agosto:

    Tenho um pe de PINDO/JERIVA que tem uns 4 anos e esta com uns 6 a 7 metros de altura e nao da cachos;existe uma explicaçao/tenho visto pes tao pequenos com frutos em nossos canteiros/C.Grande MS

  • Cíntia Abs da Cruz comentou dia 19 de agosto:

    Sempre vi no campo jerivás com todos os tipos de comentários q as pessoas fizeram e não sabia os motivos.
    Adorei as informações!
    Ótimo site... vou usá-lo em meus laudos.
    Raul Cânovas, muito obrigada!

  • LEONARDO comentou dia 25 de agosto:

    ola. como faço para o coqueiro jerivá não crescer muito???

  • LEONARDO comentou dia 25 de agosto:

    ola. como faço para o coqueiro jerivá não crescer muito???

  • LEONARDO comentou dia 25 de agosto:

    ola. como faço para o coqueiro jerivá não crescer muito???

  • LEONARDO comentou dia 25 de agosto:

    ola. como faço para o coqueiro jerivá não crescer muito???

  • Vinicius comentou dia 07 de setembro:

    OLA RAUL SOU DO PARANA E TENHO UMA DUVIDA.

    TENHO UM COQUEIRO JERIVA NO MEU QUINTAL

    COMO POSSO APROVEITAR MAIS OS FRUTO

    DOCES CONSERVAS ?

    ME FALARAM QUE SE ABRIR TEM UM BIGATINHO DENTRO

    E QUE E OTIMO PARA PESCARIA DE LAMBARI

    VC SABE SE ISSO E VERDADE

    COMO FASSO PARA CONSEGUIR JA ABRI VARIOS E NAO ACHEI.


    OBRIGADO

  • Lucas comentou dia 10 de setembro:

    Ola Raul, tenho alguns jerivas plantados acerca de hum ano, mas ate hoje não estão bonitos, com folhas muito amareladas, reparei que estão com pulgao e cochonilha nas folhas novas e esta com aparencia de folhas encurtadas. E o curioso que tem outra remessa de jerivas ja plantados a huns tres anos que estao muito bonitos mas entre eles alguns estao com mesmo sintoma citado acima. Preciso de ajuda!!! Desde ja agradeço. Lucas

  • celio martins comentou dia 29 de setembro:

    Boa tarde Raul, meus jerivas plantei faz 1 ano ja com 2,5 m de altura. Porem eles estao com as folhas amareladas, anemicos. Vi nos seus comentarios que existem algumas formulacoes. Gostaria de saber se nao existe algum adubo pronto.

  • joão nozgueira vaz comentou dia 30 de setembro:

    gostaria de adquirir para revender pois trabalho com jardinagem em Ariquemes RO

  • joão nozgueira vaz comentou dia 30 de setembro:

    gostaria de adquirir para revender pois trabalho com jardinagem em Ariquemes RO

  • joão nozgueira vaz comentou dia 30 de setembro:

    gostaria de adquirir para revender pois trabalho com jardinagem em Ariquemes RO contato 6992767691

  • joão nozgueira vaz comentou dia 30 de setembro:

    gostaria de adquirir para revender pois trabalho com jardinagem em Ariquemes RO contato 6992767691

  • Fábia Bustamante comentou dia 15 de novembro:

    Olá!
    Estou plantando 4 mudas de Jerivá, com cerca de 1 metro de altura, gostaria de saber quanto tempo demora para ofertarem frutos para as aves da região.
    Grata,
    Fábia.

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL. comentou dia 22 de novembro:

    Olá, Fábia.
    O crescimento é relativamente lento. Terás que esperar no mínimo 02 anos para o florescimento e frutificação.
    Abraço,
    Equipe Jardim das Ideias STIHL.
    Colaborou para esta resposta o Engenheiro Agrônomo, Marcelo Klein

  • Eder Evangelista de Oliveira comentou dia 01 de dezembro:

    Explique detalhadamente sistema de plantio e adubação em especies arbustivas e arbóreas?

  • Mário Etem comentou dia 05 de dezembro:

    Tenho um Jerivá de uns 4m de altura, cujo tronco parece murcho linearmente de um lado apenas, como se fosse um sulco (da base até as folhas). Poderia me auxiliar ? Obrigado.

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL. comentou dia 05 de dezembro:

    Olá, Eder. Tecnicamente, recomendamos fazer uma análise de solo antes de realizar qualquer plantio, de modo que os adubos, em suas diversas fontes, sejam colocados na medida correta.
    Como isso não é uma prática viável para quem vai plantar algumas poucas plantas, em virtude das dificuldades de realizar uma análise de solo, sua correta interpretação, os custos e o tempo despendido, recomenda-se algumas práticas gerais do tipo “receita de bolo” que podem ser utilizadas em qualquer situação com grandes chances de sucesso.
    Siga os passos que a nossa equipe indica:
    - Abra uma cova de, no mínimo 40 x 40 cm; se for maior, melhor. Coloque o material dos primeiros 20 cm de um lado da cova (0-20 cm) e o material restante (20-40 cm) do outro lado;
    - Acrescente 500 g de calcário dolomítico e 200 g de NPK 05-20-20 aos dois montes de terra retirados da cova;
    - Ao recolocar a terra na cova, coloque primeiro a camada de 0-20 cm e depois a de 20-40 cm que é menos rica em matérias orgânica e deve ficar na parte de cima onde há menor volume de raízes das mudas;
    - É possível também adicionar esterco curtido, húmus ou cinzas na cova (2 – 5 kg);
    Seguindo essas regras básicas de adubação a chance de formar um leito de plantio favorável ao bom crescimento das plantas é grande.
    Abraço,
    Equipe Jardim das Ideias STIHL.
    Colaborou para esta resposta o Engenheiro Agrônomo, Marcelo Klein

  • Ghislaine comentou dia 15 de janeiro:

    Minha área de trás da casa tem cerca de no máximo 10m² e nela tenho um Jerivá de uns 12 metro de altura. Envolta dele tem uma mureta na altura de uns 15cm que está rompendo a cada dia mais, suas folhas também estão caindo muito. Gostaria de saber se a raiz dele cresce muito e esse o motivo de está quebrando toda a mureta ao seu redor e se o espaço da minha área é adequada também?Grata

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 24 de janeiro:

    Ghislaine, olá
    Depende da distância da planta ao muro. No geral, dá para plantar relativamente perto, pois não tem um sistema radicular tão agressivo. Você pode verificar in loco isso fazendo uma pequena escavação no solo. Se houver raízes do coqueiro, é ele o responsável pelas rachaduras.

    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias
    *Esta resposta contou com a colaboração do engenheiro agrônomo, Marcelo Klein.

  • mario comentou dia 06 de fevereiro:

    Bom dia!!
    Gostaria de uma informação,tenho alguns Gerivá em uma chácara,e tem uma,que já esta com uns 4metros,e as folhas caem,coloquei um pouco de adubo,10-10,mas não resolveu,o que pode ser,e o que seria melhor fazer para salvá-la??
    Aguardo e grato.
    Mario.

  • PAULO ROGERIO PEREIRA DA SILVA comentou dia 07 de fevereiro:

    GOSTARIA DE INFORMACOES PARA ADQUIRIR UM COQUEIRO JERIVA ADULTO PARA TRANSPLANTAR. FORNECEDORES, ETC

  • Mauro Rodrigues Rocha comentou dia 08 de fevereiro:

    Bom dia, tenho três palmeiras Jerivá em meu quintal e os cachorros adoram comer seus frutos que por sinal, dão muitos frutos, to ficando com inveja deles ( dos cachorros, kkkk ) nós humanos podemos comer os frutos tbm ? Se pode, pode comer a carne ( polpa ) e a castanha ? Existe algum preparo ou receita ??? Obrigado !!!

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 19 de fevereiro:

    Olá Mario,

    Existe uma série de pragas (formigas, larvas e ácaros) que podem estar atacando sua palmeira. O correto é identificar a origem do problema para um controle mais eficiente. Observe se as folhas que caem são somente as mais velhas ou as novas também.

    Esperamos ter ajudado.
    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias
    *A resposta contou com a colaboração do engenheiro agrônomo Marcelo Klein.

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 25 de fevereiro:

    Olá Paulo,

    Existem empresas de paisagismo que fazem a comercialização e o transplante de espécies de palmeiras já adultas. Como nós não trabalhamos diretamente com a comercialização de mudas, o ideal é você procurar contatos de empresas pela internet mesmo e iniciar a negociação, levando em conta preço e proximidade.

    Esperamos ter ajudado.
    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias
    *Esta resposta contou com a colaboração do engenheiro agrônomo Marcelo Klein

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 25 de fevereiro:

    Mauro, olá
    Abaixo segue o link de um estudo feito em SC, visando a utilização dos cachos na alimentação humana. Dá pra você tirar muitas idéias.
    https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/96153/309542.pdf?sequence=1


    Esperamos ter ajudado.
    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias
    *Esta resposta contou com a colaboração do engenheiro agrônomo Marcelo Klein

  • maicon comentou dia 04 de março:

    eu adoro coqueiro gerivás eles dão coquinho e é lindo as suas folhas

  • Aline comentou dia 12 de março:

    Tenho 1 jerivá em frente a minha casa, ele tem mais ou menos 8 metros de altura. No meio do ano passado as folhas começaram a secar e cair uma a uma, no final do ano caiu toda a "coroa" dele, com o restante dos galhos. Agora só ficou o tronco, parece um enorme poste. Os vizinhos estão com medo que o tronco caia, pediram que eu cortasse a árvore. Porém tenho esperança que ele brote novamente... Está totalmente firme no chão. É uma árvore nativa do meu terreno, onde antigamente era uma fazenda. Será que vale a pena esperar ? Se eu optar por cortar consigo aproveitar o tronco? Ah, tem uma muda ao lado dele crescendo! :)
    Obrigada!!

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 24 de março:

    Olá Maicon!
    Obrigada por seu comentário! Continue conosco!

    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias

  • Equipe Jardim das Ideias STIHL comentou dia 24 de março:

    Olá Aline,
    Para que a planta se recupere você terá que primeiramente procurar identificar corretamente qual a praga ou doença a afetou e realizar algum método de controle. Caso não tenha condições de fazer isso, visto que é uma tarefa difícil até pelo porte da planta, uma alternativa seria a retirada do tronco e deixar que a muda que está se formando cresça e retome seu lugar.
    Esperamos ter ajudado.
    Um abraço,
    Equipe Jardim das Ideias
    *esta resposta contou com a colaboração do engenheiro agrônomo Marcelo Klein.

  • Aline comentou dia 12 de abril:

    Muito obrigada pela resposta! Como o topo do tronco está atrofiando, ficando fino, acho que a planta morreu, infelizmente... Provavelmente terei que cortar o tronco mesmo e deixara muda crescer.... Um abraço!